Total de visualizações de página

sexta-feira, 1 de julho de 2011

LEVOU DE ENCONTRO A BOCA E A BEIJOU

Hoje eu acordei cedo com o telefone tocando...meu sócio estava passando em casa para me pegar.
Ele encontrou  num bairro  meio retirado  uma casa de dois andares a qual queria me mostrar.
Me arrumei correndo deixando meu ritual de amor para mais tarde.
Tomei meu banho, passei meus cremes , entrei numa saia de risca de couro, uma blusa cash com babados, um cinto fino básico cereja, cabelo preso num coquê e brincos de pedra de cristal. sapatilhas e bolsa de bolsinhos também em cereja.
Tomei meu suco de abacaxi com hortelã e só, estava anciosa demais para comer qualquer coisa.
Logo o interfone tocou, ele já me esperava. Passei corendo pela sala e peguei uma rosa - vermelha - para dar sorte!
Desci correndo como uma criança que vai ao parque...minha anciedade era tanta que não consegui esconder o nervoso da demora da chegada.
Meu amigo percebendo sorriu, segurou minha mão que se encontrava gelada, levou de encontro a boca e a beijou. E num suave sorriso me disse que já estavamos perto.
Tentei disfarçar, mas era em vão.
Quando entramos no bairro, um lugar lindo, todo arborizado de ar puro, silencioso tive a sensação de paz.
Rodamos por mais alguns metros quando ele me apontou de longe .
É aquela casa!
Me faltou ar...meus olhos saltaram, meu sorriso não se conteve.
Uma casa de sonhos! Linda, no estilo suiço de dois andares, toda de tijolo vermelho aparente com portão de madeira. As  janelas com sacadas em flores , um  jardim maravilhoso.
Saltei do carro e fui entrando como se entrasse num conto de fadas .
Uma sala p/ 3 ambientes c/sacada ,escritorio c/wc, quarto de despejo, porta balcao voltada para o belo jardim ,lavabo, sala de almoço, cozinha planejada c/dispença ,  sala de tv c/ wc e mais jardim.
No andar superior uma suite master c/ escritorio conjugado,  sala intima  ,2 dormitorios c/ae wc social, e  no fundo uma  sauna, e  um atelie.
Eu não quis mais saber de nada. .Corria de um lado para o outro numa felicidade incontrolavel.


E gritei...É está!!!!!!!!!!!!!!!


Eu quero... Ali eu depositei todos os meus sonhos, todos os meus planos, todos os meus ideais.
O projeto já estava pronto na minha cabeça, estava claro como seriam os moveis, a ocupação dos espaços.
A recepção , a iluminação...enfim.
Quando olho para meu sócio o vejo sentado no chão em silencio me observando.
Ele balançava a chave do carro e pacientemente esperava por eu me acalmar.
Tentei me recompor e meio sem graça , mas muito muito feliz perguntei : - E então?

Nenhum comentário:

Postar um comentário