Total de visualizações de página

domingo, 14 de agosto de 2011

UM TABLADO E UMA LÔBA

Canto, guitarra , dança, um tablado e uma lôba...

Vestido vermelho de decote profundo, longo com fenda até a  altura da coxa e babados na barra da saia.Maquiagem definindo bem o olhos.Cabelo preso num coque baixo com um pente preto com pedrarias, sapato preto e uma gargantilha fina  curta no pescoço.
Minha alma pede passagem...uma loba solta num tablado flamenco.
Sedução a flor da pele , todas as expressões estampadas no rosto e no  corpo.
Começo a golpear o chão com a marcação dos meus passos, lentos porém  fortes , braços estirados , postura  do corpo , dos pulsos,  o circular das mãos, o mexer dos quadris.
Golpeio o chão...no sapatear, e sapetear..ah lá! ei , ei , ei, ei...
Num ritmo  mais acelerado meu corpo baila ...jogo minhas saias, rodopio, as palmas marcam o compasso da musica que entra pelos meus ouvidos me deixando cada vez mais frenetica.

Libero toda a minha energia neste rito de sedução...me sinto forte, confiante.
Me sinto mulher ...o suor escorre pelo corpo deixando meu vestido todo molhado
uma lôba completamente entregue a dança...
e assim acelerando o  ritmo   onde tenho os musicos sob o meu comando ,num jogar de pernas e saia, sapateio e finalizo. Estou enxarcada de suor...e completamente de alma lavada.

Patricinio:-








http://www.rutasturquia.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário