Total de visualizações de página

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

REVESTIDA PARA UMA NOVA VIDA

Bom dia meu dia!
Bom dia...ao me despertar me coloco logo em pé.
Bom dia...acho que hoje é um lindo dia para renascer.
É assim que tenho  vivido os meus dias, renascendo.
Deito minha camisola ao chão...e observo a suavidade com que ela toca o chão.
Observo sua queda , observo que ela não luta, não se contorse, simplesmente cai suave  aos meus pés, meus pés descalços que tocam o chão.
O chão frio que provoca o arrepio da minha pele  nua , caminho em direção a varanda de meu quarto.
Abro meus braços como duas asas, estiro meu corpo esguio e sinto...
sinto cada pedacinho dele reagir ao vento que sopra quente me  bafejando.

Dia de renascimento... o sol  queima a minha pele que mau acabou de acordar.
Sinto o ardor dos raios me queimando  e me sinto tal qual uma Fenix.

-" Oh sol, me queime! Me trasnforme em cinzas e desta cinza me faça resnascer forte e bela.
Queime cada pedaço de meu corpo nu, que se entrega a voce em sacrificio.
Pinte em minha nova  pele as cores  da Fenix - roxa, azul, vermelha, branco e dourado.
E assim eu a Lôba mutante que sou, renascerei  revestida para uma nova vida."

Beijo cada pedaço de meu corpo pois eu me amo.
Sigo para meu banho mais revigorada, passo meus cremes e vou em busca do que vestir.
Hoje o dia pede um lindo vestido tubo  roxo acima dos joelhos com detalhe branco no peito, gargantilhas , brincos e anéis de ouro, um scarpim vermelho e minha bolsa branca da Chanel.
Meu perfume de jasmim e meus oculos escuros.
Meu suco de abacaxi com hortelã me espera na porta, pois hoje o dia será intenso.
Pego a chave de meu carro e sigo... uma nova Lôba renasce!

Nenhum comentário:

Postar um comentário