Total de visualizações de página

sábado, 17 de setembro de 2011

Nada me separa deste amor...

Nada me separa deste amor...

Que chegou  mansamente  sorrateiramente,
 direcionado e forte,
De forma simples e sem alarde.

Se instalou como um posseiro
e passou a adubar minha terra
fertilizando-a.
E com sua  raiz profunda
cresceu e ramificou,
abraçou todos os meus orgãos
estrangulando os maus sentimentos
deixando somente o seu fruto.

Me envolveu, me possuiu
e nunca mais me abandonou.
e envolta em seus braços
nunca mais  tive medo...

Uma arvore de tronco forte
de raiz profunda
de frutos doces
e sombra frondosa.



O PEQUENO PRINCIPE

O verdadeiro amor nunca se desgasta. Quanto mais se dá mais se tem.

Amar não é olhar um para o outro, é olhar juntos na mesma direção.

Mulher: a mais nua das carnes vivas e aquela cujo brilho é o mais suave.

É o mesmo sol que derrete a cera e seca a argila.

Apenas se vê bem com o coração, pois nas horas graves os olhos ficam cegos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário