Total de visualizações de página

domingo, 9 de outubro de 2011

CEM PORCENTO FEMEA

Meu diario,
acordei com uma vontade de caçar...de ir em busca da minha felicidade.

Meu coração pulsa como se fosse estourar.
Uma onda invade meu corpo tomando todos os meus sentidos.

Me sinto em chamas como um vulcão prestes a explodir...
Olho para céu e vejo....a lua me chama!
 A lua, ela mesma , a lua que me faz uivar.
Que faz enlouquecer e em enxe de sedução e paixão.

Quero encontrar um lobo, meu lobo e a lua me diz:-
Venha, solte sua loba  e venha.
Se queres ser você, se queres ser amada ...então venha.

E nesta chama e onda de chamado e desejo eu
me olho.
Meu corpo, ali cada centimetro de puro ardor.
Necessitando de outro corpo para se acalmar.
Sim...definitivamente hoje eu tenho que correr os campos .

Me levanto, deixo minha camisola no chão.
Minha pele já está toda sensivel, caminho ao som da musica.
a voz rouca de Garou me coloca atenta.
minha passarela se abre a minha frente dando ao espelho a visão da minha nudez.

Meu banho se faz com um ritual de rosas vermelhas, a esponja me acaricia a pele.
Quero estar cem porcento femea...cem porcento amor.
Meus cremes me lambem a pele como uma forma de amar.
E assim vou para frente do espelho....meu closet se abre para que eu possa encontrar
o meu perfil do dia.
Uma lingiere fio dental para não marcar a saia tubo de cetim de seda vermelha, uma blusa bege frente unica de organza pregueada. Um par de brinco de ouro com pingentes de disco pendurados, o cabelo cacheados soltos sobe os ombros. Sandália Rene Caovilla bege, meu perfume de jasmim borrifado no ar.
A chave do carro nas mãos e saio  pela porta da  frente.

Não olho para trás, não  olho  mais para trás!

Nenhum comentário:

Postar um comentário