Total de visualizações de página

terça-feira, 5 de março de 2013

A LOBA OU EU



Bom dia meu diário,
Tenho meu corpo estendido em minha cama...ainda assustada, ainda tremula, ainda excitada
com o sonho que tive.
Olho para os meus lençóis revirados , travesseiro no chão, cabelos encharcados de suor.
Meus seios entumecidos e minhas coxas tremulas como se viesse de uma corrida.
olha para os lados e vejo meu espelho silencioso, guardião dos meus segredos.
Olho minha camisola de seda vermelha que expõe minha intimidade...
O silencio do quarto só é quebrado com o bater do meu coração.
Me sinto uma mulher guerreira , uma loba selvagem que acaba de sair de um combate.
Nos braços as veias pulsam com o correr do sangue, nos olhos o brilho de uma espreita.
A loba esta em posição de ataque...a loba esta com o gosto de uma guerrilha no corpo.
A respiração não se controla e os meus pelos se arrepiam com o passar do tempo.
Selvagem, completamente selvagem...é assim que me sinto.
Olhos, pele, dentes , braços ...corpo totalmente preparados.
Quem despertou a fera?
Quem chamou por ela?
Pois bem... ela despertou!
E não consigo dominar, é mais forte que a mulher.
E mais decidida que a humana... é quase bestial.
É a LOBA!
Totalmente sem controle  ou melhor sem senhoril, sem jugo, sem dono.
Olho para meu corpo e tenho vontade de um mortal combate.
Com o coração aos pulos no peito me levanto...a vontade que tenho é de rasgar aquela camisola vermelha
e lança-la ao fogo.
Deixo que caia aos meus pés...
Corro para a frente do espelho e me olho.
O que vejo?
Quem é esta nova mulher?
 Quem provocou sua fúria, sua sede?
Caçadora, caçadora....completamente armada até os dentes
nua para o meu confessor e conselheiro espelho.
E ele me diz: - Siga seu instinto, siga sua sina, solte sua fera e mate a mulher ,deixe a Loba te dominar, pois neste mundo só há lugar para uma e com certeza não é para a mulher !
Neste momento o sangue ferveu... 
Só a Loba sobreviveu!

<iframe width="420" height="315" src="http://www.youtube.com/embed/KW2otv_HAUc" frameborder="0" allowfullscreen></iframe>



Nenhum comentário:

Postar um comentário