Total de visualizações de página

quinta-feira, 24 de maio de 2012

SOB O CALOR DAS SUAS ASAS

Bom dia meu diário!
A chuva caindo lá fora faz meu despertar melancólico.
O lençol que envolve meu corpo me provoca a sensação de ter seus braços me apertando.
Minhas coxas lutam para ficarem expostas, e num espreguiçar sinto minha pele se arrepiar suavemente.
Realmente hoje o dia está perfeito pra ficar na cama e sonhar com você.
Ahhhhhh meu lobo...
Seu jeito de me olhar, sua boca, seu toque em minha pele é tão vivo na memória.
Por onde anda aquele espelho que um dia mirou nossos corpos nús?
Em que lugar ficou aquela música que ritmou nossos toques?
O gosto da sua boca não me sai da mente, e  é crescente.
Ainda posso sentir sua pele sob minhas unhas e seus braços me envolvendo.
Posso falar por horas da química que nos envolve
Posso falar por horas das horas que nos amamos.
Posso falar por horas das lembranças vivas que carrego comigo.
Pois por dias e meses e horas carrego em meu peito.
Carrego em meu peito a raiz que plantastes de uma planta chamada amor.
Vivo estás aqui, em mim...quente, pulsante, envolvente.
És meu homem,
És meu lobo,
És o meu amor.
Deixo suas lembranças em minha cama, me banho , me abraço, me amo . me visto e parto.
O dia me oferece a realidade de uma loba sedutora!





Nenhum comentário:

Postar um comentário